Mestra afoita!

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Revista Aurora, do jornal Diário de Pernambuco, trouxe na sua edição do dia 21 de julho uma reportagem sobre mestra Joana D’Arc, única mulher à frente da percussão de uma nação de maracatu de baque virado.

As ruas estreitas e pipocadas de gente da comunidade do Bode, no bairro do Pina, Zona Sul da cidade, levam à sede-residência do Maracatu Nação Porto Rico. As saias rodadas na varanda sinalizam o endereço da única mulher no estado à frente da percussão de uma nação de baque virado. Em 2005, contrariando preceitos do Candomblé, Joana D’Arc Cavalcante, 34 anos, passou a coordenar e apitar o Maracatu Encanto do Pina. Com a permissão dos orixás e a contragosto da casta tradicional do povo de santo, virou Mestra Joana ou Joana do Agbê.

Veja na Internet a reportagem: http://www.old.diariodepernambuco.com.br/revistas/aurora/20130721/

 

Uma ideia sobre “Mestra afoita!

Deixe uma resposta